Rio Senna, Paris/França - Janeiro, 2010

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

'Olla a presión': Miercóles, 10 de Febrero de 2010




'Olla a presión' o 'olla express' es lo mismo que 'panela de pressão' em portugués.

Não sei se encanta à vocês entrar no meu blog e saber como se diz panela de pressão em espanhol, mas me encanta todas as palavras novas que aprendo todos os dias-que não são poucas.

A gramática, as infindáveis regras gramaticais e tempos verbais do espanhol, já estão ficando mais claras para mim.

Mas o 'olla a presión' foi quase proposital, pois estou me sentindo assim depois de brigar em um só dia com duas pessoas do Brasil. Dos personas del Brasil. Só eu mesmo gente.

Enquando isso, me distraio lendo o texto do 'Manolito Gafotas' que minha professora deu em classe.

Se alguém estiver disposto a dar gargalhadas em espanhol, busque no Google 'Manolito Gafotas', me gusta mucho.


Essa semana tem rendido bastante para mim. Aliás, tudo aqui tem um brilho infantil para mim.

É tudo completamente diferente, quando mais familiar, os brasileiros se reunem no nosso corredor -meu, da Kat, da Lilían e do Warley, todos vizinhos de porta- para falar, quase sempre em português.


Nos últimos tempos tenho também adquirido hábitos estranhos como: arrumar cama -coisa que eu não faço desde que meus pais falavam na minha cabeça-e visto novela no You Tube, como forma de não me aburrir (me entendiar) mientras hago mis uñas. Até minhas unhas estou fazendo sozinha gente ! Olha isso.

Todo dia pela manhã, pego uma prensa (jornal) para ler. Apesar de não gostar de ler algumas partes, me sinto empolgada de ler tudo para conhecer o vocabulário, e se consigo ler o jornal bem depressa fico feliz, sinal que já estou entendendo melhor.
A aula de Segunda-feira agora, foi bem bacana, mas ficou a desejar em alguns pontos. Deixa isso pra lá, pois vou falar isso na próxima aula de vinhos com a professora.

Bom mesmo da aula de Segunda-feira, que foi gastronomía e vinhos, enquanto o chef dava algumas dicas, eu fui comer as lechugas (alfaces) que estavam de enfeite com limão e sal.

Eu sou apaixonada por lechuga con limón y sal. Logo depois chega uma brasileira, e mais outra, e mais outra, e vem também a australiana e duas chinos. Eu fiz folhinha por folhinha de alface pras pessoas, olha isso !

Lechuga con limón y sal simplesmente bombou e eu nem entendi porque.

Aí expliquei para quem não era brasileiro, que quando era mais nova, gostava de pegar alfaces com limão e sal para comer, mas que não era um prato do Brasil, era um costume-estranho-pessoal. hahahaha.
(Alô mãe eu comi camarão semi-cru!)

Na foto, eu aprendendo a analisar um vinho tinto 'crianza'.
Besos à todos.

Um comentário:

  1. Essa foto sua brincando de enóloga ficou muito engraçada! hahaha

    bjs!

    ResponderExcluir