Rio Senna, Paris/França - Janeiro, 2010

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

El primero mejor día

Hola chicos! Qué tal?

Hoy fué el primero día que yo no estoy de mau humor. Verdad.
Hoy a temperatura atingiu os 3.5° ! Quanta felicidade !
Consegui sair a noite sem luvas, sem cachecol-máscara.

Yo hizo também compras para cocinar el mi alojamento!
Dormi también bastante después de mi classe, porque meu sono estava bem atrasado.
Já passam da meia noite em Logroño, pero, estoy na pilha porque dormi de tarde.

Nem contei do meu primero dia y ya quiero hablar del segundo porque fué muito engraçado.
Como se fosse "O mundo fantástico de Bob", a cada observação que eu fazia a apartir do meu "altismo por opção", eu anotava para contar aqui.

Los "chinos"

Las 9 começaram as aulas. Primero, mi classe praticamente só tiene chinos. Perdoname, asiáticos.
Creo que llamar todos ellos de "chinos" é como chamar todos los nordestinos de "paraíba", compreendem?
Los chinos ficam entre ellos, pero, se quieres hablar con vosotros, son muy receptivos. Son alegres, hacem piadas e son muy inteligentes.
Todos ellos tienen un nano-ordenador, se eu aparecer com meu lap top que já é pequeño, é capaz de me acharem uma ultrapassada. Hahaha.
É inevitável eu admirá-los todo el tiempo.

Una chinesa estava do meu lado en la classe. Una figura.
Baixinha, toda cute, com los ojos puxados e puxou papo comigo:

-"Cómo te llamas?"
-"Mi nombre es Renata! Y usted? Cómo te llamas?"
-"Mi nombre es Gloria!"
-"Dónde eres?"
-"Yo soy brasileña! y tu?"
-"China!"

Gente, ela é uma gracinha! Parece que saiu de um mangá.

Falei con una otra chinesa también, su nombre es Ana, tambiém estudia Turismo en la universidad!

Me parece que en Japon y en China, todos ellos hacen universidad con un grado y una lengua. Muy interessante. Hacen muchas actividades: una japonesa hace dança do ventre e canta en un coral, outro tiene una banda e toca guitarra e bateria.
Todos ellos se comunicam bem en español, que para eles é más difícil que para nosotros brasileños.
Visão econômica e financeira, é com eles mesmo.

Voltando à Gloria, ella es una figura. Amanhã vou tirar uma foto con ella.
Sai andando pelos passillos con una cosa parecida con auriculares (headfone), pero, más grandes.
Imagina um mangá correndo pela universidade com um headfone grande, aqueles mesmo, de arco na cabeça, na cor branca e de fru-fru.... Personas, no tiene como não rir.
A convivência entre elas é muito amable, abraçam umas as outras, sorriem o tempo todo a maioria delas.

Não sei de fato se riem porque são assim, ou porque devem achar los brasileños engraçados.

Tiene uno, Taku, es uno viajero. Conoce muchos países del la Europa.

Ah! E para todo lugar que vão, lá vem ellos con una Nikon en las manos... !

No próximo Sábado, acho que vou fazer uma comida brasileira para convidá-las à convivência.
Vou promover uma sociabilização generalizada.

Los brasileños
Los brasileños son tipicamente fanfarrões. Estava uma bebedeira danada no meu quarto do lado.
No meu quarto do lado, está um mineiro de Ipatinga ! Warley, boa gente también.

Hoy también conoci un chico del Recife, no sei su nombre... pero es legal.
Las brasileñas, a maioria, andam juntas: Eu, Natália-a menina que divide cozinha comigo e é paulista, Adriana- de Nova Hamburgo, RS, Catarine- de Curitiba, Patrícia-que eu não descobri de onde é ainda y Olivia- una neo-zelandesa, que mora numa fazenda e a adotamos. (rs rs ) Tiene ainda una chica de BH, a Lilian. Que inclusive está passando mal desde que llegó e veio chorando no meu quarto (Ai tadinha, está sofrendo mais que eu pra se adaptar!).

Yo
Bem, não sei porque, mas acho que ganhei o troféu de "Chica Funny pela UniRioja Awards".
Me acham engraçada ! Será pelo minerês meio cariocado?
Já estão dizendo que não posso deixar de ir nas viagens porque não vai ter a mesma graça sem yo ! Que lindo...!
A Adriana já até contou pro noivo dela que " Está muito frio, mas tem uma menina que é muito engraçada ... !"

Parece no mínimo, bom.


Cursos complementarios

Todo mundo já sabe o que estou fazendo aqui?
Então, estoy estudiando español y voy hacer alguns cursos complementarios.
Son 3: Español para los negócios, Cultura española através de su gastronomía e Cultura del vino.

Pára tudo! Eu pensei que gastronomía era só teoria, pero voy cocinaaaaaaaaaaaaaar también! Y después comemos !

Já vou matar dois coelhos: Economizar comida e aprender los platos típicos.


Lo que tiene para hacer en Logroño

Imagine Belo Horizonte, imagine os bares, imagine o Festival Comida de Buteco, imagine que os belorizontinos sempre saem de um lugar para outro numa mesma noite.

Portanto, imagine agora uma região vinícola, una calle repleta de bodegas. Nessas bodegas, hay las tapas, las famosas tapas ! Tapas são aperitivos típicos da España.

Agora, vou cantar para vosotros: "De tapa em tapa, de mesa em mesa..."

Pois bem, quase un "Wine Walking" dos Estados Unidos.
Aqui las personas vão nesses bares, comem una tapa, tomam un vino y despúes partem para outra tapa... e vai assim a noite toda !

Las compras
Comprei tudo que brasileiro consegue comer , óbvio, pois não quero mais passar mal.
Achei as coisas muito baratas para quem ganha em euro...!
Antes de ir ao supermercado parei em uma pizzaria e comi um macarrão a boloñesa (sic) e fingers de queso com Coca-cola. 7.95 Euros !

Comprei um exfoliante facial por 3.80 Euros!
Tudo aqui também puede se comprar em máquinas, até o cigarro ! Põem las monedas e tcharam ...!
No começo estava confusa com tantas "pratas euros", se não fosse o Tiradentes atrás da moeda de 5 centavos de real, eu com certeza estava dando dinheiro errado... hahaha.




No mais, não sei se já falei para vocês, mas o caminho de Santiago de Compostela passa por Logroño.
As pessoas aqui também são muito educadas, só atravessam na faixa e o carro pára para as pessoas passarem SEMPRE. Lixo na rua? Solamente guimba de cigarro e olhe lá.

Me despeço, porque tengo que acordar muy temprano mañana.
Quiero hacer uno agradecimiento especial a mi madre y padre por todo lo esforço que fizeram e estão fazendo para que essa viagem esteja acontecendo.

Besos, volvo mañana.

PS: Quem se interessar, procure por País Basco na Wikipédia, a história é muito interessante.

Um comentário: